top of page
Buscar

RESTRIÇÕES À EXPORTAÇÃO PODEM AMEAÇAR A TRANSIÇÃO VERDE, DIZ OCDE

Um aumento acentuado nas restrições à exportação por parte de países como China e Índia sobre matérias-primas essenciais para tecnologias verdes tem um impacto potencialmente considerável na economia global e pode dificultar o cumprimento das metas climáticas, mostra uma pesquisa da OCDE.

Komatsu

As restrições – mais frequentemente impostos, mas também limites quantitativos – aumentaram mais de cinco vezes na última década, a um ponto em que 10% do valor global das exportações está sujeito a pelo menos uma medida, disse a OCDE.


China, Índia, Argentina, Rússia, Vietnã e Cazaquistão são os seis primeiros em termos de novas restrições na última década. Esses também estão entre os países dos quais muitos membros da OCDE dependem para abastecimento, disse a organização.

“A pesquisa até agora sugere que as restrições à exportação podem estar desempenhando um papel não trivial nos mercados internacionais de matérias-primas críticas, afetando a disponibilidade e os preços”, disseram os pesquisadores Przemyslaw Kowalski e Clarisse Legendre. “Levando em consideração as dependências da OCDE em relação às importações relevantes descritas neste documento, esta situação merece um exame minucioso.”

As descobertas surgem quando a OCDE também afirma que é necessário um aumento significativo da produção e do comércio dos materiais para atender a um aumento esperado de quatro a seis vezes na demanda para a transição verde.


Fontes/Créditos:



Por:

Por William Horobin


Mineração - Mining - Minería - OCDE - China - Índia - Rússia


0 comentário

Comments


bottom of page