Buscar

PETRÓLEO ENCARA PIOR QUEDA SEMANAL DESDE CRISE FINANCEIRA DE 2008

Os preços do petróleo bruto estão caminhando para queda de 16% nesta semana, com investidores debandando do petróleo após o surto de coronavírus resultar na pior sangria do mercado desde a crise financeira (Investing.com).


O WTI, referência nos EUA para o petróleo bruto, caía US$ 2,29, ou 4,86%, para US$ 44,80 às 15h10 , após atingir mínima de US$ 43,86 por barril, preço mais baixo desde dezembro de 2018. Em uma base semanal, o WTI está em baixa de 16%, marchando para sua pior queda em sete dias desde a semana de 14 de dezembro de 2008, durante a crise financeira.O Brent, índice global do petreóleo bruto negociado em Londres, estava em baixa de US$ 1,94, ou 3,75%, a US$ 49,79, após chegar a mínima de de US$ 48,95 por barril, quebrando o suporte de US$ 50.


O nível de US$ 49,20 foi a baixa intradiária do Brent e a mínima desde julho de 2017. Na semana, o Brent está em queda de 15%.O petróleo afundou ao mesmo tempo em que as ações em Wall Street sucumbiram em queda livre. O S&P 500 estava em baixa de 1,65 - chegou a ficar acima de 3% - no dia e de cerca de 12% na semana, pior queda semanal desde outubro de 2008.


A Organização Mundial da Saúde (OMS) disse, na sexta-feira (29), que elevou sua avaliação de risco em relação ao Covid-19 para muito alta, ante apenas alta. A China, onde o surto do novo coronavírus começou, já havia recebido uma avaliação de risco muito alto.


Fontes/créditos:


https://br.investing.com


https://br.investing.com/news/commodities-news/petroleo-encara-pior-queda-semanal-desde-crise-financeira-de-2008-725161


Por Barani Krishnan


Parceiros 
Tec Mineração.jpg
CPRM.jpg
ANBEM.jpg
CETEM.jpg
LAPROM.jpg
ANM.jpg
logo-cba.png
  • facebook64x64
  • Clube da Mineração
  • twitter64x64

 Entre em Contato

© 2014 Clube da Mineração - Brasil