Parceiros 
mining, mineração, mineral, minería, 矿业 e geologia
mining, mineração, mineral, minería, 矿业 e geologia
mining, mineração, mineral, minería, 矿业 e geologia
mining, mineração, mineral, minería, 矿业 e geologia
mining, mineração, mineral, minería, 矿业 e geologia
  • facebook64x64
  • twitter64x64

 Entre em Contato

© 2014 Clube da Mineração - Brasil

NORDESTE SE DESTACA E É 2º MAIOR PRODUTOR DE ROCHAS DO PAÍS

      As rochas ornamentais cearenses, como mármores e granitos, estão presentes nos shoppings, em estações de metrô e aeroportos de vários lugares do mundo (Blog da AD2M: www.ad2m.com.br).

 

     

O Nordeste é o segundo maior produtor de rochas do País para fins de revestimento, usados na construção civil, com mercado crescente, avalia o secretário de Geologia, Mineração e Transformação Mineral do Ministério de Minas e Energia (MME), Carlos Nogueira. Na semana passada, Nogueira participou da Fortaleza Brazil Stone Fair, que ocorreu de 5 a 8 de maio, no Ceará.

“Nesse contexto, o Ceará tem se firmado como importante produtor”, disse o secretário sobre a importância do evento, ao explicar que a expansão desse mercado no estado tem uma posição estratégica em relação aos mercados consumidores e também devido aos projetos de infraestrutura de transporte e escoamento que estão sendo realizados na região.

Segundo Nogueira, o Brasil ocupa atualmente posição de destaque no mercado internacional de rochas ornamentais. “Somos o 3º maior exportador de blocos de rochas ornamentais e o 5º em produtos acabados”, destaca secretário. “O Brasil possui uma das maiores diversidades de rochas ornamentais e umas das maiores reservas e está entre os principais produtores mundiais desse recurso”.

Para fomentar ainda mais a expansão do segmento de rochas ornamentais na região Nordeste, Nogueira afirma que é preciso aprimorar a articulação entre diversos agentes envolvidos, com a finalidade de promover o fortalecimento regional do setor e a consolidação de uma posição de destaque no mercado.

“Governo, setor e sociedade devem buscar conjuntamente propostas e soluções para o desenvolvimento sustentável da indústria de rochas ornamentais, em seus diversos segmentos”, afirmou o secretário, que explicou ainda, que ao se promover o desenvolvimento da indústria de rochas ornamentais, que movimenta anualmente recursos significativos, estaremos colaborando positivamente para outros setores da economia regional e fortalecendo outros mercados vinculados à produção e ao beneficiamento de rochas.


 

 

Fontes/créditos/mais detalhes:

 

Ministério de Minas e Energia

Acesso 
 

 

Por Assessoria de Comunicação Social

 

Please reload

Please reload